RUGENDAS, Maurice. HABITANTE DE GOYAS. Quadro a óleo pintado sobre madeira.

 
 

 
   

Clique nas imagens para aumentar.



ASCENSÃO VALDEZ. (José Joaquim) ALGUMAS NOTICIAS PARA A DESCRIPÇÃO HISTORICA DOS LOGARES DE ALCAINÇA, MALVEIRA E CARRASQUEIRA DO CONCELHO DE MAFRA.

Coordenadas por … Socio effectivo da Real Associação dos Architectos Civis e Archeologos Portuguezes e da Sociedade de Geographia de Lisboa. Typographia do Jornal - O Dia. LISBOA. 1895.

De 23x16 cm. com 115, [v] págs. Encadernação da época com lombada e cantos em pele, com nervos e ferros a ouro. Cortes das folhas carminados à cabeça.

Preserva as capas de brochura, a anterior tem a data de 1897 no pé de imprensa e a posterior tem uma lista de outros trabalhos do autor.

Exemplar com dedicatória do autor, no alto da folha de rosto, a Augusto Ribeiro.

1ª edição de uma fonte muito valiosa para o estudo destas povoações da zona oeste da Estremadura.

Obra que reúne muitas informações sobre as capelas e igrejas existentes em cada lugar, com descrições dos seus interiores como estavam à data de publicação, com descrições do sistema orográfico e das produções agrícolas da região.

Inclui também a genealogia e a biografia de Vivente Annes Froes e uma lista dos administradores do morgado da quinta do Arneiro no Turcifal e da capela de S. Silvestre na igreja de S. Miguel em Alcainça.

José Joaquim Ascensão Valdez (Lisboa 1842-1926) Escriturário dos catálogos, primeiro e segundo oficial e depoi secretário interino na Biblioteca Nacional. Foi um bibliófilo que reuniu uma importante biblioteca vendida em leilão, em 1927.

Inocêncio XVII, 347. Dados biográficos em XIII, 20. 

Referência: 1702PG008
Local: M-13-D-24


Caixa de sugestões
A sua opinião é importante para nós.
Se encontrou um preço incorrecto, um erro ou um problema técnico nesta página, por favor avise-nos.
Caixa de sugestões
 
PayPal MasterCard Visa American Express
free counters