RUGENDAS, Maurice. HABITANTE DE GOYAS. Quadro a óleo pintado sobre madeira.

 
 

 
   

Clique nas imagens para aumentar.



BERCHOUX. (J.) e Manuel Joaquim da Silva Porto. A GASTRONOMIA, OU OS PRAZERES DA MEZA, POEMA EM 4 CANTOS.

Composto em Francez por Mr. J. Berchoux, e livremente traduzido em verso Portuguez por Manuel Joaquim da Silva Porto. Typographia Comercial Portuense: Porto. 1842.

In 8º de com 164, [ii] págs.

Encadernação da época com lombada em pele.

Exemplar com ex-libris armoriado colado no interior da pasta anterior. 

O poema termina na página 92 e inclui um advertência, na página 91, de página 93 a 164 contém uma tradução, em versos decassílabos brancos, por Silva Porto da Fedra de Racine. 

Importante para a recepção da literatura francesa em Portugal e para  história da tradução. O Poema A gastronomia é notável pelo seu humor e por ser a primeira vez em que a palavra «gastronomia» foi usada.  

Referência: 1708PG054
Local: M-5-C-9


Caixa de sugestões
A sua opinião é importante para nós.
Se encontrou um preço incorrecto, um erro ou um problema técnico nesta página, por favor avise-nos.
Caixa de sugestões
 
PayPal MasterCard Visa American Express
free counters