RUGENDAS, Maurice. HABITANTE DE GOYAS. Quadro a óleo pintado sobre madeira.

 
 

 
   

Clique nas imagens para aumentar.



MARTINS. (Carlos António de) DE LEGE NATURALI POSITIONES

IN USUM AUDITORII VINDOBONENSIS. OLISIPONE, Apud FRANCISCUM BORGES DE SOUSA. MDCCLXXII [1772]. Junto com: CAROLI ANTONII DE MARTINI S. C. R. A. M. IN SUPREMO JUDICIORUM TRIBUNALI A CONSILIIS AULICIS ET P. P. O. POSITIONES DE JURE CIVITATIS IN USUM AUDITORII VINDIBONENSES. Apud OLISIPONE, Apud FRANCISCUM BORGES DE SOUSA. MDCCLXXII [1772].

2 volumes encadernados em 1. In 8º (de 15x10 cm) com 304 e 358 pags.

Encadernação da época inteira de pele marmoreada com finos ferros a ouro por casas fechadas e rótulo vermelho.

Obra com as posições jurídicas dos tribunais de Viena de Áustria sobre o conceito de Lei Natural; e o Direito Civil segundo o autor e segundo os mesmos tribunais.

Contém ainda uma parte autónoma (com anterrosto próprio a partir da página 225) sobre o direito tradicional dos gentios e dos povos não civilizados, nomeadamente sobre o direito e a justiça entre os povos na deflagração de uma guerra, as convenções da guerra e os pactos de paz; com muitos autores profusamente citados, entre os quais Grocius.

Referência: 1302JC105
Local: M-14-D-8


Caixa de sugestões
A sua opinião é importante para nós.
Se encontrou um preço incorrecto, um erro ou um problema técnico nesta página, por favor avise-nos.
Caixa de sugestões
 
PayPal MasterCard Visa American Express
free counters