RUGENDAS. (Johann Moritz) HABITANTE DE GOYAS. Quadro a óleo pintado sobre madeira.

     
 
   

Clique nas imagens para aumentar.



FOTOGRAFIA – ÁLBUNS DE CAÇA - ÁFRICA E EUROPA – SÉC. XX [1940 – 1960].

Conjunto de 3 álbuns (de 25x37 cm) com 34, 66 e 58 fólios cartonados.

Contêm provas fotográficas, quase todas a preto e branco, com elevada definição, impressas em papel mate (p/b) e, na sua maioria, reveladas nos melhores laboratórios de fotografia da época: Instanta e Fotocolor em Lisboa.

O acervo fotográfico apresenta grande importância para o estudo da caça e da ecologia em Portugal e em África, retratando regiões e parques naturais, com fauna hoje extinta ou protegida. As fotografias mostram as espécies nos seus habitats e os grandes panoramas naturais, presentes nas séries fotográficas, revelam-se com interesse para a biologia e para a ecologia das regiões onde decorreram as actividades venatórias. Apresentam-se também com grande interesse etnográfico as séries de imagens das populações locais obtidas em Angola e em Marrocos.

O conjunto desta base de imagens estrutura-se da seguinte forma: álbum Nº 1 com 200 provas a preto e branco e 11 provas a cores; álbum Nº 2 com 240 provas a preto e branco e 8 provas a cores; álbum Nº 3 com 359 provas a preto e branco e 2 provas a cores, num total de cerca de 828 provas fotográficas.

A maioria das provas fotográficas são no formato 9x12 cm e as restantes no formato 10x15 cm, sendo na sua maior parte legendadas e com a referência ao número do fotograma e ao rolo de negativos a que pertenceram. Algumas fotografias remetem para a revista de caça Diana, da qual o autor/fotógrafo era redactor/editor.

Seguidamente referimos os locais, as datas e o contexto em que as fotografias foram tiradas:

ALBUM Nº 1

Em Pinheiro, Bastesa da Malhada de Cabras: 06-05-1951 ninho de Rabo-de-Bacalhau (ave de rapina), 20-05-1951: ninho de Cegonhas. 12-05-1951: Águia, Estorninho e Paúl das Foicinha. 20-05-1951: 2ª e 3ª visitas ao mesmo local com as aves em diferentes estágios de crescimento (Notas às fotografias remetem para Revista Diana nº 32 e 33); Idem até à 5 ª visita e ao transporte das águias para a domesticação. De 12-05-1951 até 27-05-1951: várias visitas a um ninho de corvo grande, contendo também cucos. Junho e Julho de 1951 Pinheiro, Pinhal da Estação: ninho de gavião e a sua retirada para falcoaria; ninho de águia-de-asa-redonda, (Nota: Diana 32 contendo fotografias de 5 visitas), ninho de corvo pequeno.

De seguida, uma série de provas fotográficas a cores com cegonhas; fotografias (instantâneos) de patos e de raposas no seu habitat; instantâneos nocturnos de uma gineta; diversas fotos de patos em voo. Fotografias de uma batida à raposa mostrando a entrada na propriedade de um automóvel topo de gama com bagageira adaptada ao transporte de cães; batida acompanhada a cavalo. Segue-se a continuação da série de fotografias com uma Gineta a subir a uma palmeira. Fotografia, datada de 1950, retrata a apanha da azeitona. Em 1952, Maio: [Herdade do] Pinheiro: coruja das torres e grão-duque (ave de rapina) pousado num pinheiro; abetarda; perdigotos recém-nascidos; ninho de cisão; pintassilgo alimentando os filhos presos; coelhos à saída da toca; série de fotografias de cisões e texugo à saída da toca; texugos sendo filados por cães e caçada ao Texugo. Participantes: Ana Maria, Luís Almeida Araújo e Manuel Lapa. Pinheiro, Maio de 1952: furão (domesticado) transportando os filhos. Ilha do Cavalo, no Tejo: águia Sapeira no ninho. 1954: caça ao texugo com cães. Em 1954, Março: António [Maria] Bravo aos patos nas esteiras de Alcochete (Rio Tejo). Colocando as negaças para os patos no Tejo. Segue-se uma fotografia isolada: na Alemanha (numa feira de produtos coloniais). Mafra, 1954: fotografias de veados na tapada. Segue-se fotografia no formato 12x18 cm (com margens) apresentando 4 homens em trajes tradicionais campestres e de caça, com legenda: «Na assistência à final do “Pote 1953”».

ALBUM Nº 2

Apresenta várias séries de fotografias nos primeiros 23 fólios com safaris em África, sem data, sem local, sem legendas e sem notas no verso das mesmas. No entanto, tanto pelo terreno, como pelos tipos humanos, podemos afirmar que foram obtidas no sul de Angola entre as tribos Boximanes (Bushiman) e Hotentotes, possivelmente na região do Cuando e Cubando, onde são abundantes os leões também retratados. Trata-se de uma série com grande qualidade nos instantâneos dos caçadores nativos, retratando na perfeição as suas armas e equipamentos de caça e apresentando ainda os mesmos grupos nativos em marcha e em pose, entre eles os sobas e as suas famílias.

Seguem-se fotografias de manadas de gnus, a passagem de uma viatura Dodge a vau, a pose com as peças abatidas e o almoço dos caçadores numa mesa do acampamento de caça, com bebidas servidas com garrafas de soda. Depois diversas fotografias com a perseguição de um macho girafa, o seu abate e a pose com a peça morta e a cabeça da presa sobre um jeep Willis (matrícula L19456). Uma série fotos de cabras, rampantes e em salto e um exemplar abatido com o caçador em pose. Uma caçada à zebra com foto de grupo com a peça abatida e o caçador em pose sobre a garupa do animal. Várias fotografias dos abutres no local do abate. Diversas fotos do grupo Bushiman em marcha com as suas esteiras-habitação e com estas montadas no acampamento. Esta série termina com o caçador em pose junto da presa e outra foto do mesmo caçador na varanda do pavilhão de caça. Seguem-se duas fotografias iguais, sendo uma a ampliação da anterior, com o caçador junto a um búfalo cafre abatido e outras fotos com diferentes peças de caça da mesma espécie. De seguida, uma fotografia de uma grande palanca negra gigante abatida com o caçador ao lado e de uma caçada ao elefante. No entanto percebe-se que as fotos desta última sequência precedem as anteriores, onde se apresentam os nativos com restos de carne de elefante e transportando o mesmo marfim. Esta série encontra-se a seguir duplamente retratada com fotografias a cores.

Nova série de fotografias de uma batida no sul de Portugal (possivelmente na zona do Guadiana) com uma fotografia final (11x17cm) com a distribuição dos prémios, encontrando-se os participantes em traje campestre português e espanhol.

Volta novamente a África, com diversas fotografias de um safari com várias vistas para a fachada do edifício do Kanga N’Thole, Acampamento de Caça (Parque Nacional da Gorongoza, Moçambique) e momentos do abate e da carga dos búfalos, o almoço no acampamento de caça e depois o abate e carga de um antílope Gunga, duas fotos com o caçador mostrando os troféus de uma palanca gigante negra abatida, uma perseguição ao rinoceronte sem abate, uma caçada e abate de elefante e o seu desmembramento dentro de uma zona densa de mato, 10 fólios de um safari em Moçambique (Gorongosa) para a observação de leões, elefantes, antílopes e hipopótamos sem a finalidade de abate. O álbum termina com um foto-postal de um búfalo na Gorongosa.

ALBUM Nº 3

Em Angola, 1951. Este álbum começa com um safari em Uquenha (Além Oci e Além Cunene). O grupo de caça faz-se transportar em jeeps Willis (nomeadamente um com a matricula L-11902 de Joice e Carlos de Melo). Entre os participantes do safari encontram-se Henrique Vaz Pereira, Jasha Carvalho e Silva, Jymmy C. e Silva, Joice de Melo e M. Carvalho. E ainda: Rui Saiago, Vasco Ferreira e Dr. Figueiredo. Imagens do sequeiro da carne da caça no acampamento; passagem do Cunene no local da Capa; nativos Muílas preparando-se para a festa da circuncisão; Retrato de mulher Cubal; o Deserto de Moçâmedes; a caça às Cabras-de-leque e às Gungas na reserva da Kissama; caça de um fachoqueiro; o grupo atravessando o Quanza; avestruz abatida a caminho da Cariata; palanca jovem; manada de gungas e o seu abate; nativos cubais a fazerem a barba e uma bela fotografia do grupo de caça no acampamento em Virúi durante a noite.

Segue-se outra série, em Outubro de 1951, de uma caçada ao rinoceronte nas margens junto à foz do rio Quanza. Em Quissama: troféu de uma Gunga. Em Virúi (país dos Cubais): Carlos de Melo com um Rinoceronte fêmea e a cria que abateu (os dois entendidos no chão em frente ao orgulhoso caçador). O caçador numa foto (ampliação 10x15 cm), em Outubro de 1951 com um rinoceronte abatido com 2 tiros. Nesta série de fotografias o caçador coloca em pose e em destaque a arma utilizada. Seguem-se 2 fotos a cores da mesma caçada que termina com o comentário 'As grandes caçadas fazem-se com uma 375'. (O caçador refere-se à carabina Winchester 375).

Segue-se um fólio com a falta da respectiva série fotografias respeitante a uma Taça em Pancas, Portugal, em 1951-1952.

Seguem-se várias séries de fotografias com cronologias anteriores à organização inicial do álbum quando o seu autor era adolescente, nomeadamente: [Herdade do] Pinheiro: 16-9-1939 Eu [Joaquim de Carvalho e Silva], Zé Belo, Pai, João Ramos, Manuel Ramos, Guida Ramos, Jorge Graça e Eduardo Van Zeller Pinheiro, Setembro de 1940, a [minha] primeira raposa. Pinheiro – Sua Alteza Real Otão de Habsburgo, Pai e Mãe. 30-10-1948 Ana Ribeiro Ferreira, Sua Altesa Real a Condessa de Paris, e Condessa [nome não mencionado], Pai, Sua Altesa Real o Conde de Paris, e Viscondessa de Seisal. Segue-se em 1951 na Quinta do Perú – Matilha da Equipagem de Sto. Humberto. Duas fotografias com a matilha de foxhounds a corricão e outra com a matilha na manjedoura do canil. A matilha tinha sido constituída no ano anterior e ainda hoje existe na caça à raposa.

Segue-se uma magnífica série de fotografias de uma viagem ao Marrocos Espanhol, em Janeiro de 1953, que se prolonga por mais de 15 fólios. Esta série retrata o itinerário por Sevilha, Algeciras e a passagem do Estreito de Gibraltar. A recolha de imagens inclui desde o início os anfitriões e guias de caça: o Kaid de Beni Jsef y Beni Iscar [Cadi ou Alcaide de Beni Iscar]. Em Mexerah [Norte de Marrocos],1953, o grupo de caça a caminho das batidas; eu, Vasco D’Orey e Jimmy no Alcazar de Xaúen; com o nosso companheiro de caça o Califa de Mexerah; o mesmo pagando aos batedores após a caçada; o pequeno-almoço em casa do Califa, com o Comandante Filipe Suarez, Jimmy, Vasco D’Orey, o Comandante Alberto Arellano e o intérprete.

Seguidamente uma série de fotografias de uma segunda viagem a Marrocos, com a Mana, Ana Vasco, Jasha, e Jimmy. O grupo no Hotel El Minzah; a fazer compras no Soko de Tanger; num restaurante do Cabo Espartel na Zona de Tanger; a partida para uma batida; o grupo ao fim da tarde tomando chá com o Califa; o Califa a fazer tiro com uma metralhadora; imagens do grupo em Rabat; passeio em Marraquexe e vista do Hotel Mamounia; Rabat e as torres e portas desta cidade; e várias belas fotografias do soco de Fez. Fotografias do grupo no interior do Hotel Palais de Jamaï; outra em frente do Palácio do Sultão e ainda outras fotos num oásis de Fez; várias vistas com o grupo na cidade de Mulay Idriss; e finalmente o grupo no regresso em Sevilha no bairro de Santa Cruz.

Depois, uma série de fotografias de uma caçada na Serra de Gredos, em Espanha, com Max Borrel, onde os caçadores abatem e posam com vários machos de Cabra-montês. Depois fotografias de uma caçada nos Picos de Europa em perseguição e abate do veado-rebeco. Uma série de fotografias de Ordessa, do seu Parador Nacional e vários aspetos das suas florestas.

Fotografias da viagem à Suécia de Joaquim de Carvalho e Silva junto com Manuel Ferreira de Lima na qualidade de redactores da Revista Diana, incluindo uma caçada aos alces e o seu desmancho. Esta série é acompanhada por um mapa e por 2 recortes de um jornal sueco que noticia a visita dos portugueses.

De seguida, 6 fólios com fotografias de família, uma série de instantâneos na floresta com uma cria de lince na sua toca e outra série na Tapada Nacional de Mafra, uma outra série de fotografias na Herdade do Pinheiro em 1952 com Fernando Bello, Constantino Cabral, Conchita Mendez, Ana Maria, Ruca Cabral, Sebastião Ramirez, Luís Mendes, Ventura Belo, e M. Amaral. E, por último, uma série de fotos com uma novilhada num tentadero.

 

 PHOTOGRAFY – HUNTING ALBUMS - AFRICA AND EUROPE – 20TH CENTURY [1940–1960].

A set of 3 albums, 25x37 cm. 34, 66 and 58 board folios. Contains high definition photos (mostly in black and white) printed in matte paper and most of them developed in the best photography houses at the time: Instanta and Fotocolor in Lisbon.

This photo collection is of utmost importance for the study of hunting and ecology both in Portugal and Africa, depicting natural regions and parks with fauna that today is already extinct or protected. The photos show the species in their natural habitats and large nature overviews, this being interesting for the biology and the ecology of the regions where the hunts took place. Also with high ethnographic interest, there are several images of local populations taken in Angola and Morocco.

The set of this group of images has the following structure: album Nº 1 with 200 black and white photos and 11 coloured ones; album Nº 2 with 240 black and white photos and 8 coloured ones; album Nº 3 with 359 black and white photos and 2 coloured ones, in a total of around 828 photos.

Most of the photos are 9x12 prints and the remainder 10x15 cm. Great part have captions and reference to the number of the frame and the role of film they belonged to. Some photos refer to the Hunt Magazine “Diana”, being the author/photographer copywriter / editor of that publication.

Here below we list the places dates and context in which the photos were taken:

ALBUM Nº 1

In Pinheiro, Bastesa da Malhada de Cabras: 06-05-1951 a nest of red kite (milvus migrans), 20-05-1951: nest of storks. 12-05-1951: eagle, starling and the swamp of Foicinha. 20-05-1951: 2nd and 3rd visits to the same birds in different stages of growth (Notes on the photos refer to the Diana magazine nr. 32 e 33); up to the 5th visit and the transport of eagles for taming. From 12-05-1951 to 27-05-1951: several visits to the nest of a big raven, which also had cuckoos, June and July of 1951 in Pinheiro, Pinhal da Estação: hawk’s nest and its retrieve for falconry; buzzard’s nest, (Note: Diana 32 containing 5 photos of visits), nest of carrion crow.

After, a set of coloured photos with storks; photos (snapshots) of ducks and foxes in their habitats; night snapshots of a common genet; several photos of ducks flying. Photos of fox hunting, showing a state of the art car entering the estate and having a modified boot to carry dogs; hunting from horseback. The series of photos with the common genet climbing a tree follows. A photo, dated 1950, depicting the harvesting of olives. On May 1952: [Estate of] Pinheiro: Barn owl and Eurasian Eagle-owl standing on a pine tree; great bustard; new born partridges; little bustard’s nest; goldfish feeding its chicks in the cage; rabbits outsider their hole; several photos of little bustards and badger outside its lair; badgers being caught by dogs and badger hunt. Participants: Ana Maria, Luís Almeida Araújo and Manuel Lapa. Pinheiro, May 1952: ferret (tamed) carrying its pups. Ilha do Cavalo, by the Tagus River: western marsh harrier in its nest. 1954: badger hunt with dogs. On March 1954: António [Maria] Bravo hunting ducks on the tracks of Alcochete (Tagus River). Posing decoys for the ducks on the Tagus. After, an isolated photo: in Germany (at a fair for colonial products). Mafra, 1954: photos of deer in the park. Photo of 12x18 cm (with margins) depicting 4 men wearing traditional country and hunting costumes with the caption: «Assisting to the final of “Pote 1953”».

ALBUM Nº 2

Presents several series of photos, on the first 23 folios, depicting safaris in Africa, no date or place, no captions and without notes on the back of the photos. However, due to the terrain and the human types, we can perceive that they were taken in the south of Angola among the Bushimans and the Hottentots, possibly in the areas of Kuando and Kubando, where the lion population, also photographed, is abundant. This series is composed of high quality snapshots, with perfect depictions of the weapons and hunting gear, also showing those native groups with the sobas and their families walking or posing.

After that series, there are several photos of herds of gnus, a Dodge passing over a brook, poses with the killed animals, the lunch of the hunters at the hunting camp, with beverages being served in soda bottles. Next, several photos depicting the hunt of a male giraffe, its killing, the pose with the dead animal and its head tied to a Willis (licence plate L 19456). A series of goat photos, rearing and jumping, and a dead goat with the hunter posing by it. A zebra hunt with a group photo together with the dead animal, being the hunter posing mounted on the animal. Several pictures of the vultures at the killing area. Several photos of the Bushiman group marching with their portable "house-mats" and then with those already mounted. This series ends with the hunter posing by the prey and other photo of the same hunter at the balcony of the hunting pavilion. After, two similar pictures, one larger than the other showing a hunter by a dead Cape buffalo and other photos with different wild game of the same species. Next comes a photo of a giant black antelope with the hunter by its side and also some photos of an elephant hunt. In spite of their order, it is perceived that the photos of this last sequence were taken before the former, since the natives are photographed with the leftovers of the elephant meat and carrying its tusks. This series is also depicted in coloured photos.

New series of photos of a driven hunt in the south of Portugal (possible within the Guadiana river area) with a last picture (11x17cm) depicting the distribution of the prizes, with the participants wearing Portuguese and Spanish typical country costumes.

Back to Africa, several photos of a safari with several views of the façade of the Kanga N’Thole building, Hunting camp (Gorongosa National Park in Mozambique) and moments of the killing and transport of buffalos, the lunch at the hunting camp and then the killing and transport of an eland, two photos of the hunter showing the trophies of a giant black antelope, the chase of a rhinoceros (no killing), the chase and killing of an elephant and its dismemberment within a dense jungle area, 10 folios with a safari in Mozambique (Gorongosa) just to watch lions, elephants, antelopes and hippopotamus. The album ends with a postcard of a buffalo in Gorongosa.

ALBUM Nº 3

Angola, 1951. This Album starts with a safari in Uquenha (Beyond Oci and Beyond Cunene). The hunting group travels in jeeps Willys (especially one with the license plate L-11902 belonging to Joice and Carlos de Melo). Among the participants in the safari there were Henrique Vaz Pereira, Jasha Carvalho e Silva, Jymmy C. e Silva, Joice de Melo and M. Carvalho. And also: Rui Saiago, Vasco Ferreira and Dr. Figueiredo. Images of the dryer of the game meat at the camping site; crossing the Cunene River at Capa; natives of the Muíla tribe preparing for the circumcision ritual; portrait of a woman of the Cubal tribe; the Moçâmedes desert; springbok and eland hunt in the Kissama reservation; the group crossing the Kwanza River; ostrich killed on the way to Cariata; young antelope; a herd of elands and their killing; natives of the Cubai tribe shaving and a great picture of the hunting party in the Virúi camp at night.

October 1951. A series with photos of a rhinoceros hunt in the banks of the River Kwanza mouth. In Quissama: trophy of an eland. In Virúi (country of the Cubai tribe): Carlos de Melo with a female rhinoceros and her calf, killed by him (the two animals on the ground in front of the proud hunter). The hunter in a photo (10x15 cm), in October 1951 with a rhinoceos killed with two shots. In this series of photos the hunter poses the gun used. After, 2 colour photos of the same hunt which ends with the comment "Great hunts are done with a 375" (The hunter is referring to the Winchester rifle 375).

A folio lacking the photos concerning a Cup in Pancas, Portugal, around 1951-1952.

Then several series of photos chronologically before the beginning of the album and taken when its author was a teenager:

[Estate of] Pinheiro: 16-9-1939 Me [Joaquim de Carvalho e Silva], Zé Belo, father, João Ramos, Manuel Ramos, Guida Ramos, Jorge Graça and Eduardo Van Zeller Pinheiro, Septembre 1940, [my] first fox. Pinheiro – His Royal Highness Otto von Habsburg, father and mother. 30-10-1948 Ana Ribeiro Ferreira, Her Royal Highness the Countess of Paris, and Countess [name not referred], father, His Royal Highness the Count of Paris, and the Viscountess of Seisal. After, photos from 1951 in "Quinta do Perú" - Pack of the Team of Sto. Humberto. Two photos with a pack of foxhounds hunting and another pack eating at the kennels. "The pack was put together last year and still exists today for fox hunting".

After, a magnificent series of photos, over15 folios, taken during a trip to the Spanish Morocco on January 1953. This series accounts for the itinerary through Seville, Algeciras and the crossing of the Strait of Gibraltar. The images include from the begining the hosts and the hunting guides: Kaid de Beni Jsef y Beni Iscar [Cadi or Alcalde of Beni Iscar]. In Mexerah [Northern Morocco],1953, the hunting party on its way to the hunting; "me, Vasco D’Orey and Jimmy at the Alcazar of Xaúen"; "with our hunting partner, the Caliph of Mexerah"; the Caliph paying to the scouts after the hunting; breakfast at the Califa's home with Commander Filipe Suarez, Jimmy, Vasco D’Orey, Commander Alberto Arellano and the interpreter.

Next comes a series of photos accounting for a second trip to Morocco, with "Sis, Ana Vasco, Jasha, and Jimmy". The group at the Hotel El Minzah; shopping at the Souk of Tangiers; in a restaurant at Cape Spartel near Tangiers; the departure to a hunting safari; the group having a late afternoon tea with the Caliph; the Caliph shooting with a machine gun; images of the group in Rabat; strolling in Marrakesh and a view of the Hotel Mamounia; Rabat, the towers and gates of this city; several beautiful pictures of the Souk in Fez. Photos of the group inside the Hotel Palais of Jamaï; another in front of the Sultan's palace and some at an oasis in Fez; several views of the group in the city of Mulay Idriss; and finally the group in Seville at the Santa Cruz quarter already on the return.

A series of photos of a hunting trip at Serra de Gredos in Spain with Max Borrel. The hunters shooting and posing with several male mountain goats. Then pictures of a hunting trip in "Picos da Europa" [Peaks of Europe or Picos] chasing and killing of Pyrenean chamois. Several photos of Ordessa, its National Shelter and several views of the forests.

Photos of the trip to Sweden of Joaquim de Carvalho e Silva and Manuel Ferreira de Lima as editors of the Diana magazine, including a moose hunting and their cutting up. This series includes a map and two clippings of a Swedish newspaper advertising the visit of the Portuguese.

After, 6 folios with family photos, a series of snapshots in the forest with a lynx cub inside its lair and another series at the Mafra national park, photos at the Pinheiro Estate in 1952 with Fernando Bello, Constantino Cabral, Conchita Mendez, Ana Maria, Ruca Cabral, Sebastião Ramirez, Luís Mendes, Ventura Belo, and M. Amaral. And, finally, a series of photos with a herd of calf in an arena.

Referência: 1602JC001
Local: M-6-A-4


Caixa de sugestões
A sua opinião é importante para nós.
Se encontrou um preço incorrecto, um erro ou um problema técnico nesta página, por favor avise-nos.
Caixa de sugestões
 
PayPal MasterCard Visa American Express

SERVIÇOS

Avaliações e Compra


Organização de Arquivos


Pesquisa Bibliográfica


A SUA ENCOMENDA

Ver

Encomendar


Valor: €0

Temáticas


Índice Geral / All Categories

Livros Raros / Rare Books

free counters