RUGENDAS, Maurice. HABITANTE DE GOYAS. Quadro a óleo pintado sobre madeira.

 
 

 
   

Clique nas imagens para aumentar.



LAVANHA, João Baptista. RELAÇAÕ DO NAUFRAGIO DA NAO S. ALBERTO,

No Penedo das Fontes, no anno de 1593. E Itinerario da gente, que delle se salvou, athè chegarem a Moçambique. ESCRITA Por JOAÕ BAPTISTA LAVANHA Cosmografo mòr de Sua Magestade. No anno de 1597.

[In] HISTÓRIA TRAGICO-MARITIMA: [Tomo II, pags. 215-313]: em que se escreveram chronologicamente os Naufragios, depois que se poz em exercicio a navegação da Índia. Tomo Segundo [...] Por Bernardo Gomes de Brito [e outros]. LISBOA OCCIDENTAL: Na Officina da Congregação do Oratório. 1736.

In 4º (de 20x15 cm) com [II], 98 pags. numeradas de [II], 217 a 313.

Exemplar brochado, apresenta a razura (no pé da última página) do reclamo tipográfico para a entrada da Relação seguinte.

Trata-se de uma separata facticia da 4ª Relação, apresentada no Tomo II, pags 215-313, da famosa e rara História Tragico-Maritima compilada por Bernardo Gomes de Brito.

Esta Relação costuma aparecer no 2º volume da História Trágico Maritima, atribuindo o bibliografo Inocêncio a esta Relação o número 4 do dito segundo volume.

Tinha sido originalmente impressa em 1597, em Lisboa, por Alexandre de Siqueira.

Barbosa I, 532; Borba de Moraes I, 125-126.

Inocêncio I, 306: «JOÃO BAPTISTA LAVANHA, Cavalleiro da Ordem de Christo, Cosmographo-mór do reino, e Chronista-mór de Portugal.  N. em Lisboa, de certo antes de 1555, por ser n"esse anno que faleceu seu pae. M. em Madrid em 1625, sendo então de edade mui provecta, segundo diz Barbosa. [...] 402) Naufragio da nau Sancto Alberto e itinerario da gente que d"ella se salvou. Lisboa, por Alexandre de Siqueira 1597. 8.ºSahiu reproduzido no tomo II da Historia Tragico-maritima».

Inocêncio I, 377: «BERNARDO GOMES DE BRITO, natural de Lisboa, e nascido a 20 de Maio de 1688. Barbosa nada diz do seu estado ou profissão, nem tão pouco da epocha da sua morte, talvez porque ainda vivia em 1759. Com louvavel curiosidade e diligencia reuniu uma ampla collecção de relações e noticias de naufragios, e successos infelizes, acontecidos aos navegadores portuguezes, dividindoa em cinco volumes, de que todavia só publicou os primeiros dous, ignorandose o destino que tiveram os restantes, os quaes Barbosa affirma acharemse no seu tempo promptos para a impressão. Esta obra, assás conhecida, intitulase: Historia tragicomaritima, em que se escrevem chronologicamente os naufragios que tiveram as naus de Portugal, depois que se poz em exercicio a navegação da India. Lisboa, na Off. da Congregação do Oratorio; o tomo I, 1735. 4.º de XVI79 pag. - O tomo II, 1736. 4.º de XVI538 paginas. [...] [...] No tomo II se incluem: [...] [...] 4. Relação do naufragio da nau Sancto Alberto no penedo das Fontes por João Baptista Lavanha. 1593. - Tinha sido impressa em 1597 ».

Referência: 1606JC005
Local: M-9-B-17


Caixa de sugestões
A sua opinião é importante para nós.
Se encontrou um preço incorrecto, um erro ou um problema técnico nesta página, por favor avise-nos.
Caixa de sugestões
 
PayPal MasterCard Visa American Express
free counters