RUGENDAS, Maurice. HABITANTE DE GOYAS. Quadro a óleo pintado sobre madeira.

 
 

 
   

Clique nas imagens para aumentar.



MADEIRA ARRAES, Duarte. MADEYRA ILLUSTRADO.

METHODO DE CONHECER, E CURAR o Morbo Gallico, COMPOSTO PELLO DOUTOR DUARTE MADEIRA ARRAEZ, PHYSICO MOR DELREY DOM JOAM IV. REFORMADO AO SENTIR DOS MODERNOS, ILLUStrado com muytos casos práticos, & enriquecido com vários, & eficazes remedios, para extinguir com facilidade esse contagio, & para acodir prontamente aos seus produtos, PELO DOUTOR FRANCISCO DA FONSECA HENRIQUES, natural de Mirandella, MEDICO DO SERENISSIMO REY DE PORTUGAL DOM JOAÕ V. COM HUMA DISSERTAÇAM DOS HUMORES naturaes do corpo humano, obra muyto necessária para boa intelligencia destas Illustraçoens. LISBOA, Na Officina de ANTONIO PEDROZO GALRAM. Com todas as licenças necessárias, & Privilegio Real. Anno de 1715.

In fólio (de 29x20 cm) com (xxxii), 366 pags.

Encadernação da época inteira de pele, cansada, com nervos e ferros a ouro por casas fechadas.

Exemplar com extensas anotações coevas para as quais foram utilizadas as folhas de guarda, o colofón, e o verso da pasta posterior de encadernação.

3ª edição da obra publicada em 1642.

N. B. As ilustrações referidas são as explicações do autor sobre os casos clínicos, sendo que a obra é apenas ilustrada com vinhetas tipográficas decorativas xilografadas.

Inocêncio II, 209: “DUARTE MADEIRA ARRAES, célebre médico, e Físico-mor de El Rei D. João IV. Foi natural da vila de Moimenta da Beira, e morreu em Lisboa em 1652. 380) (C) Methodo de conhecer e curar o morbo gallico. Primeira parte. Propoem se definitivamente a essencia, especies, causas, signaes prognosticos e cura do morbo gallico, e de todos seus aflectos. E largamente se tracta do azougue, salsa parrilha guiacão, pau sancto, raiz da China, e de todos os mais remedios d"esta enfermidade. Lisboa, por Lourenço de Anvers 1642. 4.º De XLVI 523 pag., e índice no fim. Segunda parte. Disputam se largamente por questões e argumentos em forma todas as dúvidas, que se podem mover sobre a essência, espécies, causas, sinais e prognósticos da cura do morbo gálico, e as que pode haver sobre o azougue. Ibi, pelo mesmo 1642. 4.º Saíram ambas as partes em segunda edição: Lisboa, por Antonio Craesbeeck de Mello 1683. fol. de XII 236 XVIII 220 VIII pag. E novamente a primeira parte illustrada com annotacões pelo dr. Francisco da Fonseca Henriques, Lisboa, por Antonio Pedroso Galrão 1715. fol.

A propósito d"esta ultima edição, lê se na Bibl. Elem. Cirurq. de Manuel de Sá Mattos discurso 3.º, pag. 35, a opinião seguinte: «Posto que os aditamentos de Mirandella, médico instruido do mecanismo da circulação dos fluidos, e de outros conhecimentos anatómicos e práticos, mudando em grande parte a substancia da doutrina de Madeira, no tocante á administração e uso do mercúrio, deram sumo valor às doutrinas aditadas, todavia não se podem negar ao antigo autor da obra os devidos louvores, pela boa ordem com que soube inculcar aos cirurgiões menos instruídos de Portugal o tratamento de uma queixa tão frequente e pertinaz.» Quanto às obras que o Dr. Madeira imprimiu em latim, e ás que dizem deixara manuscritas, vej. a Bibl. de Barbosa".

Referência: 1312JC020
Local: M-9-E-15


Caixa de sugestões
A sua opinião é importante para nós.
Se encontrou um preço incorrecto, um erro ou um problema técnico nesta página, por favor avise-nos.
Caixa de sugestões
 
PayPal MasterCard Visa American Express
free counters